sábado, março 11, 2006

Até breve

Este é o meu último post no Sinédrio.

Há cerca de um ano, pensava que “blogosfera” era nome de doença tropical. O Bernardo, com muita paciência, instruiu-me na coisa. Afinal, “blog” não é um vírus do Burundi, mas uma coisa onde se pode escrever e discutir.

Hoje, sei que um blog é como um vício, mas um vício a prazo. Intenso durante uns meses. Morre ao final de outros tantos. Sei que voltarei a sentir esse vício, mas por agora estou desintoxicado. Além disso, a falta de tempo é cada vez maior.

Fiz amigos no Sinédrio. Amigos com quem continuarei a beber copos e a trabalhar noutras coisas mais ”sérias”. Trouxe amigos para o Sinédrio. Mas hoje termina a minha ligação ao blog. Foi um prazer.

O meu obrigado a todos aqueles e aquelas que por aqui passaram.

Até breve,
Henrique Raposo

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Aconselho-te a ler um livritos antes de rasurares por ai no mundo da blogosfera sobre os enfermeiros! nunca se sabe quando vais precisar de um e acredita que já muita gente sabe o teu nome!Porque não falas do quão ridícula é a tua profissão que tem como missão especular inventar , enfim tudo para render os trocos que te permitam encher o frigorifico ao fim do mês!Uma coisa os enfermeiros não te admitem , é que ganhes dinheiro a dizer mal de nós, aliás de uma realidade de que nem sequer fazes a minima idea!passa mal e oxalá tenhas sempre saúde! adeus sr Jornaleiro em agonia

9:43 da tarde  
Blogger Diogo said...

sr henrique, um pouco de inteligência e conhecimento do que fala nos seus artigos tambêm lhe ficava bem, mas infelismente qualquer um é "jornalista" hoje, basta ver a quantidade deles que andam no desemprego e a nota de acesso aos ditos "cursos" de jornalista. E depois a frustração vira-se para os Enfermeiros que são licenciados, têm das notas mais altas de acesso ao ensino superior e que lhes confere um grau de conhecimento superior consagrado na lei
Estes profissionais que permanecem 24h ao lado do doente e actuam tanto em situação de emergência como em situações de cuidados de higiene aos velhinhos como o sr henrique lhes chama, exigem que lhes seja feita justiça e portanto fazem greve (cumprindo serviços minimos, ou será que o sr jornalista ouviu falar em alguma morte como consequência da greve dos Enfermeiros?), resta-me desejar-lhe uma resto de vida menos ignorante, e quando estiver internado por esse comportamento psicótico e débil um enfermeiro esteja sempre do seu lado.

9:55 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home